Novo Globo Esporte: SP ganha edição local; game vira pauta


 

São Paulo volta a ter voz local no Globo Esporte a partir do próximo dia 12. Atualmente feito todo no Rio, o programa de esportes diário da Globo terá novamente uma versão feita no Rio - que, exceção ao primeiro bloco, aberto para o noticiário local, será transmitido para toda a rede nacional - e outra só para o Estado de São Paulo, onde o primeiro bloco também será aberto para o noticiário regional das retransmissoras do interior.
A reforma será endossada pela chegada de novo apresentador, Tiago Leifert, até aqui repórter do canal SporTV, e por uma série de novidades no conteúdo e no formato.
Um dado paradoxal - a considerar o estímulo que isso representa para o sedentarismo - é a inclusão de videogames de esporte na pauta do programa. Mas a meta de não perder público para a web e outras mídias parece evidente - daí o espaço aberto a games e também à participação dos repórteres de esporte da Globopontocom no Globo Esporte, via Skype. Moderno, não?
Em contrapartida, o teleprompter perde importância, como ocorre nas mesas-redondas: a ideia é estender a prosa sem perder ritmo. E dar mais espaço ao diálogo.

Silveirinha será fiel a Donatela de verd ade

 


Nos próximos capítulos de ‘A favorita’, Silveirinha (Ary Fontoura) vai mudar de lado. Ele se fará de cúmplice de Flora (Patricia Pillar), mas, na verdade, estará apoiando Donatela (Claudia Raia). Alguns personagens lig

ados a Donatela a alertarão sobre a possibilidade de o mordomo não estar sendo sincero. Mas Silveirinha - cansado de ser humilhado pela vilã - não estará mentindo. Ele vai mesmo se redimir e isso é apenas o começo.
Nesta reta final da história de João Emanuel Carneiro, ele ajudará Donatela a entrar no rancho. Donatela fingirá ser amiga de Flora para tentar fazer com que ela confesse seus crimes. Uma das primeiras providências de Donatela nesta ocasião será pedir a Silverinha que prepare o prato preferido de Flora: galinha ao molho pardo.

Top 5 do Sbt


sbt

1-Domingo Legal
Aud% 12,82
Pico 17,83

2-Programa Silvio Santos
Aud% 11,54
Pico 15,05

3-Pantanal
Aud% 11,51
Pico 15,84

4-8 e Meia no Cinema
(Batman Begins)
Aud% 9,85
Pico 12,58

5-Tela de Sucessos
(Penalidade Máxima)
Aud% 8,39
Pico 11,3

Record está com quase tudo pronto para gravar “Betty, a Feia”


a feia mais bela

A Record já está com quase tudo pronto para dar a largada nas gravações de “Betty a feia”, sua primeira novela em parceria com a Televisa. Estúdio não é problema. Conforme esta coluna antecipou, as gravações irão acontecer no Pólo de Cinema, na Barra da Tijuca – uma vez que os estúdios do Recnov estão ocupados por três produções. A Record já tem Gisele Joras na adaptação e Edson Spinello na direção geral. O “quase” deve-se ao fato de ainda não haver elenco. “Betty” estréia em junho.

Primeiro “Domingo Legal” do ano alcança a liderança por 15 minutos

 

domingo legal

O ano novo realmente começou bem! No final de semana, foi ao ar o primeiro Domingo Legal de 2009, no SBT. Novamente a atração, apresentada por Gugu Liberato, marcou ótimos índices de audiência, ficando na liderança por 15 minutos. Na média geral, o programa permaneceu na vice-liderança, marcando 13 pontos com pico de 18, no período das 18h20 às 22h25, quando ficou no ar.

Os índices são consolidados e referentes ao Ibope, na Grande São Paulo. Vale lembrar, que cada ponto no Ibope representa cerca de 55,5 mil domicílios, na Grande São Paulo, dados que servem como referência para o mercado publicitário.

O programa apresentou os quadros Top 10 dos bumbuns mais bonitos do Brasil,  Verdade ou Mentira, Encontros, Biombo da Moda, De Volta pra Minha Terra, entre outros.

Vrum garante a vice-liderança


vrum

O Vrum deste domingo, 4 de janeiro, conquistou a vice-liderança isolada para o SBT.

Exibido das 8h às 8h31, o programa apresentado por Mônica Veloso registrou média de 2 pontos e pico de 3. No mesmo horário, a primeira colocada marcou 9 pontos e a terceira, 1.

Velhos programas voltam ao ar e dão audiência

Há uma recorrente de que a virada do ano seja o momento de celebrara renovação, com novos trabalhos e ideias originais. Na TV a conversa é outra e o ano novo é tempo de série antiga. Ao menos na Rede TV! que, no fim de 2008, montou boa parte de sua programação com reprises de antigos seriados.É uma forma de tentar angariar algum ibope com o que já foi sucesso, caso de Dallas, Buffy - A Caça-Vampiros e Barrados no Baile, além do desenho Pokémon. E a Band ameaça pôr em sua grade Punky, a Levada da Breca, produzida nos anos 80.A política do “bom, bonito e barato” pode surtir efeito. A Record emplaca há tempos um surpreendente sucesso com o Picapau, que costuma bicar a liderança de audiência com regularidade, caso bastante parecido comChaves, do SBT.A trupe do ator Roberto Bolaños - o Chaves - permanece querida pelas crianças não importa quantas vezes seus episódios sejam repetidos. Outro acerto admirável ocorreu com a volta da novela Pantanal, confortavelmente instalada em dois dígitos de audiência.Depois de ser sucesso na Globo, Dallas, foi apresentada pela Band e emcanais pagos. Recentemente ganhou força ao comemorar, em novembro passado, 30 anos de sobrevida com uma festa no mitológico rancho de SouthFork, no Texas.
O que demonstra que, apesar de tanto tempo, a série sobre as misérias dos milionários americanos continua a atrair fãs em todo o mundo. Para um público bem mais jovem, o anime Pokémon tornou-se um grande sucesso na década de 90, a partir de uma boa idéia do desenhista japonês Satoshi Tajiri, que a levou para os jogos e para a TV seu gosto em colecionar insetos originais.

A idéia da reprise se torna cada vez mais forte à medida que a memória disponível aumenta, seja em computadores, celulares e até dentro dos televisores e aparelhos de DVD.Através da internet é possível resgatar as boas lembranças de antigas novelas e programas, como os gambitos de Françoise Forton, em Estúpido Cupido, ou a ira teatral de Flávio Cavalcanti, em Um Instante, Maestro.
Com o tempo, quase tudo poderá ser reencontrado. Essa combinação de memória digital e televisão tem provocado uma espécie de “passado instantâneo” entre os telespectadores, que sistematicamente gravam seus programas preferidos e os assistem quando chegam em casa, alterando a audiência televisiva e as formas de aferí-la. O futuro do pretérito já começou.

Fonte: Terra

Estamos de volta

Depois de alguns dias de férias, estamos de volta com todas as energias, e se prepare para as nossas estreas em 2009, que não serão poucas

FÉRIAS

Sabemos que nos últimos dias não temos atualizado, mais é que já estavamos de férias e esquecemos de avisar, mais estamos aqui para lhes informar que só voltamos com nossas atualizações normais EM JANEIRO DE 2009.

Feliz e Próspero ANO NOVO, é o desejo do AUDIÊNCIA EM DESTAQUE

Programa da Tarde terá reality

“O Contratado”, formato adquirido junto a Sony, é o reality que a Record vai lançar, no ano que vem, dentro do “Programa da Tarde”. Trata-se de uma disputa entre pessoas da mesma profissão, com duração de 5 dias. O vencedor, na final, ganhará um emprego.

O “Programa da Tarde” sai do ar no final deste mês, devendo voltar, totalmente reformulado, no dia 26 de janeiro. Durante este período o horário será ocupado por uma nova sessão de desenhos animados. Maria Cândida continuará como apresentadora.

CQC terá novidades em 2009

 

Em 2009, o “CQC”, da Band, terá novidades. O programa vai contar com a participação de convidados, como jornalistas e artistas, além de uma mulher, que não será fixa. “Também vamos estrear quadros ao longo do ano e não concentrar tudo logo no início”, conta Marcelo Tas.

Estréia na maldade

Fernanda Rodrigues estreou em “Negócio da China”, da Globo, como a vilã Estelinha. Na trama, a personagem, filha de cozinheiros que já tiveram muito dinheiro, cresceu em um colégio interno, mas fugiu para Portugal. Na Europa, ela acabou se envolvendo com a máfia chinesa e se tornou uma excelente lutadora de kung fu. Apesar de estar na Globo há 17 anos, Estelinha é a primeira vilã na carreira de Fernanda. “Fiz aulas de kung fu para compor o papel. Está sendo um desafio muito bacana porque já fiz vários tipos de personagens, mas essa é a primeira que é muito má”, comemora a atriz.

De sertanejo a emo, música é estrela de especiais de fim de ano




A contagem regressiva para o Ano Novo começa cedo na Globo, na manhã do dia 31. Ana Maria Braga recebe Zeca Pagodinho no estúdio do "Mais Você", amostra de uma virada predominantemente musical, pelo menos na televisão aberta.
À noite, Zeca Pagodinho -sim, ele de novo- será uma das 40 atrações do "Show da Virada" comandado por André Marques. Os convidados não diferem muito dos de outros anos. Estão lá o Charlie Brown Jr. para os rebeldes sem causa; NX Zero para os emos; Zezé Di Camargo e Luciano para os sertanejos; Asa de Águia para quem curte micaretas etc.
Para evitar a sensação de déjà vu, neste ano alguns números serão divididos. Pode ser novidade no programa, mas Titãs e Paralamas já fizeram turnê juntos; Chitãozinho e Xororó e Fresno se apresentaram no último Video Music Brasil, na MTV; e a parceria de Wando e Cláudia Leitte já passou até pelo sofá de Hebe Camargo.
Aliás, é com o axé de Leitte que a Record promete embalar o Réveillon dos seus espectadores. O show é o mesmo lançado em DVD, gravado em Copacabana neste ano. Curiosamente, a primeira vez do dueto com Wando aconteceu nesta oportunidade. Eles atacaram de "Fogo e Paixão", que agora a Globo vai recriar em sua festa.
Tão tradicional quanto a Corrida de São Silvestre em São Paulo, exibida pela Globo às 16h45, é a contagem regressiva, que interrompe o "Show da Virada" pouco antes da meia-noite, seguida pelo espetáculo dos fogos em Copacabana.
No dia 1º, a Globo leva ao ar o especial "Uma Noite no Castelo", com Renato Aragão e a sua filha Livian. Didi é o serviçal do fictício reino da Landinóvia, cujo castelo está ameaçado por um tirano que viveu há mil anos e, agora, volta a assombrar a família real. Ele se põe à disposição da princesa Lili (Livian) e do príncipe Guilherme (Alexandre Slaviero) para ajudá-los na luta contra o inimigo do passado. Didi e sua trupe descobrem um portal que os joga numa aventura medieval, com duelos, dragões, muitas cenas cômicas -e final feliz.

Norton vai se aliar a Flora contra Donatela

Quando Flora (Patricia Pillar) descobrir que Donatela (Claudia Raia) está viva, ela vai perseguir a inimiga. A esta altura, Flora estará rica e morando no rancho. E Donatela ainda não terá as provas necessárias para incriminar a megera. A Fontini estará quase na falência. E Norton (Alexandre Schumacher), que aparentemente era um bom caráter, vai se mostrar venal.

À beira de perder o emprego, ele aceitará o dinheiro de Flora para fazer jogo duplo. E será ela que revelará à vilã que Donatela estará escondida no sítio de Augusto César (José Mayer). Flora irá até lá com um exército de seguranças armados. Mas Shiva (Miguel Rômulo) perceberá o movimento e conseguirá avisar Donatela. Ela e Zé Bob (Carmo Dalla Vecchia) fugirão, deslizarão por uma montanha e conseguirão despistar Flora e seus capangas.

Norton vai se aliar a Flora contra Donatela

Quando Flora (Patricia Pillar) descobrir que Donatela (Claudia Raia) está viva, ela vai perseguir a inimiga. A esta altura, Flora estará rica e morando no rancho. E Donatela ainda não terá as provas necessárias para incriminar a megera. A Fontini estará quase na falência. E Norton (Alexandre Schumacher), que aparentemente era um bom caráter, vai se mostrar venal.

À beira de perder o emprego, ele aceitará o dinheiro de Flora para fazer jogo duplo. E será ela que revelará à vilã que Donatela estará escondida no sítio de Augusto César (José Mayer). Flora irá até lá com um exército de seguranças armados. Mas Shiva (Miguel Rômulo) perceberá o movimento e conseguirá avisar Donatela. Ela e Zé Bob (Carmo Dalla Vecchia) fugirão, deslizarão por uma montanha e conseguirão despistar Flora e seus capangas.

Faturamento cresce 35%: Emissora planeja mais investimentos no jornalismo em 2009

 


Desde a contratação dos jornalistas Carlos Nascimento, em 2006, e Ana Paula Padrão, em 2007, o SBT vem investindo, mais uma vez, em seus noticiários. Segundo o diretor de Jornalismo da emissora, Paulo Nicolau,

que conversou com o Estado por telefone, o departamento passa por reformulações há mais de três anos e fechou 2008 com faturamento 35% superior a 2007.
Apesar do fracasso da retomada do vespertino Aqui Agora, a rede investiu em dois telejornais locais em Brasília no fim deste ano, contabilizando 50 contratações.


A que se deve esse crescimento no faturamento do telejornalismo?
É um reconhecimento do mercado ao jornalismo que o SBT está apresentando

. Este foi o ano que consolidou a volta do jornalismo do SBT, que começou há três anos, com a vinda de Carlos Nascimento e, depois, Ana Paula Padrão. Levamos uma boa equipe à Olimpíada de Pequim, tivemos a cobertura especial das eleições brasileiras e norte-americanas. Foi um investimento em que pudemos qualificar melhor a equipe, trazer pessoas novas. Temos um time bom, desde o estagiário até o apresentador.


Mas o SBT é conhecido pela instabilidade da grade. O Aqui Agora, por exemplo, ficou pouco mais de um mês no ar. Isso não pode afetar a credibilidade?
O Aqui Agora foi um produto que não deu certo. Mas acho que não existe mais

instabilidade. Nosso Jornal do SBT está às 21h30 há dois anos. Manter a estabilidade dá credibilidade sim, e nós queremos ser referência para a família brasileira. O jornalismo do SBT mudou muito.

O que está previsto para 2009?

No ano que vem, pretendemos remodelar os telejornais de Porto Alegre, Rio e Belém, que já têm seus noticiários locais.

Fonte: Estadão

Record contrata executivos da concorrência

 

A Record contratou três exe­cutivos para sua área co­mercial. Os novos nomes ainda estão na concorrência e só assumirão o posto na emissora da Barra Funda em março. "Nosso objetivo é fi­car em primeiro lugar em até cinco anos. Edir Macedo tem cobrado que esse tempo seja até encurtado", diz Walter Zagari, vice-presi­dente comercial da Record, que cresceu 30% em 2008.

Em janeiro o Sbt aposta suas fichas em Maisa

 

O SBT apostará suas fichas na garota Maisa para alavancar a audiência matinal durante o mês de janeiro. É que, a partir do dia 05, a apresentadora mirim comandará ao vivo os programas “Bom Dia & Cia.” e “Sábado Animado”. Executivos da emissora acreditam que Maisa atrairá as crianças que estarão em férias escolares, aumentando as possibilidades do SBT. A garota vai gravar o “Domingo Animado” até 25 de janeiro e, com isso, estará no ar pela tela do SBT todos os dias da semana.

Record comete o mesmo erro do Sbt

A exemplo do que aconteceu no SBT, com a novela “Revelação”, a Record também colocou um profissional do seu jornalismo, Luciano Faccioli, dando notícias no especial “Louca Família”. Não pode. Confundir ficção com realidade é e sempre será um péssimo negócio e todo mundo sabe disso.
Trata-se de uma mistura perigosa, com grandes chances de não dar certo, porque, na continuidade, isso acaba comprometendo a credibilidade do Jornalismo. Não se devem fazer concessões. Qualquer ator, mesmo sem grandes recursos, poderia perfeitamente substituir o Faccioli naquele papel. Não alteraria coisa alguma na ordem das coisas.

O autor Miguel Falabella, mais uma vez, vai mexer na trama da novela das 18h, "Negócio da China" (Globo). Com o cancelamento da entrada de Thiago Lacerda para compor o triângulo amoroso com Lívia (Grazi Massafera) e João (Ricardo Pereira), Grazi deve agora ser colocada de lado e sair do centro das atenções da novela. Ela, que até esse ponto da trama ficou sendo disputada ora por Heitor (Fábio Assunção) - que agora seria Thiago Lacerda - ora por João, deve começar a sofrer com o novo relacionamento, já que o estilo do autor Miguel Falabella não costuma ser o de manter casais românticos logo no meio da trama.
Apesar de a Globo ter anunciado, depois de realizar uma pesquisa com o público, que o telespectador está gostando do par Lívia e João, a certeza agora é que a felicidade dos dois ficará por um fio nos próximos capítulos. Com a instabilidade, Lívia começa a desconfiar do amor de João, que estará sendo assediado por uma segunda mulher. O triângulo montado fará Lívia ter grandes chances de sofrer tudo aquilo que o português passou quando ainda existia Heitor no caminho dos dois.
Com a entrada de Cláudia Gimenez na trama para viver a misteriosa Violante, Miguel Falabella resolveu buscar essa segunda mulher da vida de João no próprio elenco da novela para evitar novas contratações. Apesar da grande mudança na trajetória de Lívia e João, tudo deve acontecer um tanto rápido na trama, já que a novela, que estreou em outubro com 30 pontos no ibope , já está com data marcada para terminar - fevereiro de 2009. A média atual da trama é de 22 pontos.

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Visitante número:



 
Get your own Chat Box! Go Large!